Mais de 90 condutores são flagrados dirigindo sob efeito de álcool

Em apenas um final de semana, policiais rodoviários federais flagraram 92 motoristas dirigindo sob efeito de álcool nas rodovias federais do estado. Os dados são da operação realizada entre os dias 6 e 8 deste mês.


O maior número de flagrantes ocorreu na primeira madrugada do final de semana, quando mais de 26 agentes se reuniram na BR 101 para fiscalização de combate à embriaguez. Na ocasião, em pouco mais de três horas de atuação em Balneário Camboriú, Itapema e Tijucas, foram multados 59 condutores por dirigirem alcoolizados. Para driblar a chuva, as equipes foram divididas e posicionadas em locais abrigados sob viadutos e retornos nas três cidades.

Os motoristas autuados por embriaguez tiveram suas carteiras de motorista recolhidas. Eles pagarão multa no valor de R$ 2.934,70 e terão o direito de dirigir suspenso por doze meses. O valor dobra se o caso for de reincidência nos últimos doze meses.

No ano de 2018, nas rodovias federais de Santa Catarina, a PRF já autuou 2.763 condutores por embriaguez ao volante. Foram realizados 53.570 testes de bafômetro e 405 operações específicas de combate à embriaguez.

“O motorista precisa saber que, mais cedo ou mais tarde, se não mudar esse comportamento de beber e dirigir, a PRF vai alcançá-lo. Aí não adianta se lamentar quando for punido com multa, suspensão da carteira e até com a prisão”, afirma o policial Everson Feuser, Chefe de Operações da PRF em Santa Catarina.