Polícia Civil prende traficante que vendia pra alta classe

Após mais de 2 meses de investigação a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú, deflagrou a Operação “Playboy” e prendeu em flagrante um dos principais fornecedores de drogas das classes média e alta de Balneário Camboriú e Itajaí. 


Na tarde desta quinta-feira, dia 30, após um longo período de monitoramento, policiais da DIC-BC efetuaram a prisão do  vulgo Kaka, quando o mesmo deixava o apartamento que locava na Rua 3850, na Barra Sul de Balneário Camboriú.

De acordo com as investigações, “kaka” locava o apartamento de alto padrão na área nobre da cidade a fim, não só de despistar a polícia, como também para frequentar os mesmos ambientes que seus clientes, para os quais vendia drogas consideradas como de alta qualidade e, por isso, de valores superiores a média. A variedade de tipos de drogas oferecidas por “Kaka” também era outro ponto tido pelos usuários como diferencial.

No momento da abordagem kaka trazia consigo quatro pacotes de substância semelhante à ecstasy, sendo que no apartamento foram encontrados mais cerca de 3,70kg de cocaína, 1,906kg de maconha, aproximadamente 1.500 comprimidos de ecstasy; 57g de MD, 200 Micropontos de lsd, carregadores de pistolas, farta quantidade de munições calibre 9m.m, .380 e .38, além de balança de precisão e material para misturar e embalar as drogas.

Depois de lavrado o Auto de Prisão em Flagrante, ele foi encaminhado para o Presídio da Canhanduba.